Author: Fã Dannemann

Lavitan Funciona? [Veja o que é, Para que Serve e Como usar]

Atualmente, não existe mais essa ideia de que o homem não pode se cuidar ou ter vaidade, afinal, quem é que não se preocupa com sua beleza, não é mesmo?! No entanto, a queda de cabelo pode atrapalhar um pouco, tanto homens quanto mulheres e é por isso que existe o Lavitan Hair.

Isso porque os motivos da queda de cabelo podem ser variados, incluindo a carência de vitaminas. Mais do que isso, mesmo com outra causa, fornecer as vitaminas e nutrientes necessários para o cabelo é essencial para que ele fique forte e saudável.

É justamente por isso que os suplementos podem ser de grande ajuda na conquista daquela cabeleira dos sonhos.

O fato é que, para que se tenha cabelos verdadeiramente bonitos e saudáveis, a realização de procedimentos químicos nem sempre é o mais indicado, afinal, eles podem apenas mascarar os problemas.

Dessa forma, o ideal mesmo é apostar naquele produto que age de dentro para fora, fornecendo ao corpo tudo o que ele precisa para ter cabelos incríveis.

Então, se você está mesmo interessado e quer saber um pouco mais sobre Lavitan, continue lendo e descubra todos os detalhes.

O que é Lavitan?

Capifix

Para quem não conhece, fique sabendo que o Lavitan Hair é um suplemento de vitaminas e minerais que tem como principal objetivo melhorar a saúde dos cabelos. No entanto, a sua formulação traz ingredientes que melhoram também a saúde das unhas.

A composição reúne substâncias que são essenciais para a saúde capilar, com um excelente conceito de nutrição capilar que age de dentro para fora.

O que acontece é que o corpo usa vitaminas e minerais extraídos da alimentação ou mesmo de suplementação, como é o caso do Lavitan, que contribui para a saúde dos mesmos.

Dessas forma, podemos afirmar que a saúde dos cabelos está diretamente ligada à nossa alimentação. Mais do que isso, procedimentos químicos também possuem uma grande influência, como é o caso de descolorações, tinturas e outros.

Sendo assim, de nada a adianta ter apenas cuidados externos com o cabelo, pois os cuidados internos têm igual importância.

A boa notícia é que o Lavitan foi desenvolvido com as vitaminas e minerais ideais para que você possa ter cabelos lindos, saudáveis e sem queda.

Qual a composição de Lavitan?

Capifix

Para quem não conhece, fique sabendo que o Lavitan Hair é um suplemento de vitaminas e minerais que tem como principal objetivo melhorar a saúde dos cabelos. No entanto, a sua formulação traz ingredientes que melhoram também a saúde das unhas.

A composição reúne substâncias que são essenciais para a saúde capilar, com um excelente conceito de nutrição capilar que age de dentro para fora.

O que acontece é que o corpo usa vitaminas e minerais extraídos da alimentação ou mesmo de suplementação, como é o caso do Lavitan, que contribui para a saúde dos mesmos.

Dessas forma, podemos afirmar que a saúde dos cabelos está diretamente ligada à nossa alimentação. Mais do que isso, procedimentos químicos também possuem uma grande influência, como é o caso de descolorações, tinturas e outros.

Sendo assim, de nada a adianta ter apenas cuidados externos com o cabelo, pois os cuidados internos têm igual importância.

A boa notícia é que o Lavitan foi desenvolvido com as vitaminas e minerais ideais para que você possa ter cabelos lindos, saudáveis e sem queda.

Como já foi explicado, o Lavitan é um suplemento vitamínico completo, desenvolvido com vitaminas e minerais que possuem um papel essencial no desenvolvimentos dos fios.

Com isso, ele ajuda os cabelos a crescerem mais fortes e saudáveis, com a possibilidade de deter o processo de queda. Dito isso, vamos conhecer quais são os ingredientes de Lavitan:

  • Biotina

Essa é a substância essencial para a produção da queratina, que é o componente essencial das unhas e cabelos. Mais do que isso, esse é um nutriente que também atua facilitando a absorção de vitaminas do complexo B.

  • Vitamina B6

A vitamina B6 é ótima para a saúde e é ela que ajuda na prevenção da queda. Mais do que isso, essa vitamina também proporciona um crescimento mais rápido dos cabelos e com mais força.

  • Selênio

Esse nutriente age como um poderoso fortalecedor de unhas e cabelos. É justamente por isso que a carência desse nutriente pode ocasionar problemas como a queda de cabelos e também o enfraquecimento das unhas, deixando-os quebradiços e ressecados.

Mais do que isso, o selênio tem um intenso poder antioxidante, que ajuda a evitar a ação dos radicais livres, que causam danos. Assim, ele retarda o envelhecimento celular precoce.

  • Zinco

O zinco é um nutriente que é essencial na manutenção do crescimento natural dos cabelos e também das unhas. Isso porque ele é ativo na síntese de proteínas, que é a principal proteína que compõe tanto as unhas quanto os cabelos.

  • Cromo

Esse componente é um mineral que ajuda a melhorar a metabolização das proteínas, como é o caso da queratina. Por isso ele é bastante indispensável para que se tenha unhas e cabelos saudáveis.

Como usar o Lavitan?

A primeira coisa que precisa ser dita é que o Lavitan não deve ser utilizado por pessoas que apresentem hipersensibilidade a qualquer um dos componentes presentes em sua composição.

Mais do que isso, ele não deve ser utilizado por crianças com idade inferior a 3 anos e nem mesmo por mulheres grávidas ou lactantes, a não ser que haja recomendação médica.

A dose mais comumente recomendada de Lavitan é de 1 cápsula por dia, que já é suficiente para que se obtenha as quantidades diárias recomendadas.

Mais do que isso, é essencial que o tratamento tenha uma duração mínima de 3 meses, ou conforme a recomendação de um médico ou farmacêutico.

O mais importante de tudo é sempre consultar um médico para identificar as possíveis causas da queda de cabelo. Isso porque cada causa irá exigir um tipo de tratamento diferente.

No entanto, se a causa da queda de cabelo for alguma deficiência vitamínica, certamente o Lavitan pode ajudar muito!

VEJA TAMBEM: Suplemento natural Capifix contra queda de cabelos

Nimesulida – Anti-inflamatório – Para que Serve e Como Tomar

O nimesulida é um remédio da classe dos anti-inflamatórios não esteroides que combate inflamações, febre e dores no corpo. A principal substância presente nesse medicamento é o própria Nimesulida (100 mg), responsável pelas funções analgésicas e também anti-inflamatórias. Se você quer saber todas as informações sobre a nimesulida, veja abaixo uma ajuda completa.

Ele é comumente encontrado nas farmácias e não é necessária a receita médica para efetivar a sua compra, porém não é recomendado seu uso indevido. A medicação geralmente é vendida em pequenas embalagens com 12 comprimidos ou também na forma líquida com 15 ml, seu uso é permitido para adultos e crianças acima de 12 anos de idade.

Apresentação do Medicamento

Uso Oral

Uso Adulto

Medicamento genérico Lei nº 9.787, de 1999

Composição

Cada comprimido contém:nimesulida .. 100 mgexcipientes q.s.p. . 1 comprimido (celulose microcristalina, docusato de sódio, estearato de magnésio, amidoglicolato de sódio, hiprolose, lactose monoidratada, óleo vegetal hidrogenado).

Cada mL* da suspensão gotas contém:nimesulida. 50mgveículo q.s.p 1mL(metilparabeno, propilparabeno, goma xantana, sacarina sódica, sorbitol, essência de morango, essência debaunilha, citrato de sódio, álcool etílico, ácido cítrico, ciclamato de sódio e água).

*Cada mL da suspensão corresponde a 20 gotas.Cada gota da suspensão contém 2,5mg de nimesulida.

Armazenamento

Você deve armazenar esse medicamento de acordo com as indicações expressas na embalagem, como:

  • Conservar em temperatura ambiente (entre 15º e 30º C);
  • Proteger da Umidade;
  • Verificar a data de validade;
  • Não utilizar o Nimesulida se as indicações acima não forem respeitadas.

Como Funciona a Nimesulida e Para Que Serve?

O nimesulida contém a substância cicloxigenase-2 que contribui para fazer a síntese de prostaglandinas relacionadas às inflamações. O medicamento também age no sistema nervoso central, anestesiando as partes cerebrais responsáveis pelo alerta de dor.

Esse remédio também é responsável por inibir a produção de radicais livres provenientes de inflamações. Além disso, é um medicamento que acumula menos substâncias nos rins, ao contrário da maioria das substâncias da mesma categoria, o que faz com que contenha menos riscos e efeitos colaterais, porém pacientes com insuficiência renal ainda devem consultar o médico para verificar qual a primeira opção de tratamento.

Além disso, o nimesulida dá efeitos muito mais rápidos que outros anti-inflamatórios. Em adultos a dor é amenizada dentro de uma média de 15 minutos após a administração do medicamento, outros remédios podem demorar de 30 a 40 minutos para iniciar os efeitos analgésicos.

O Nimesulida é Indicado Para Casos de:

  • Inflamações, principalmente para inflamações de dente;
  • Irritações na garganta ou dor de garganta;
  • Dores de cabeça;
  • Dores de dente;
  • Dores de ouvido;
  • Aliviar cólicas renais;
  • Fortes cólicas menstruais;
  • Febre;
  • Aliviar os sintomas da gripe;
  • Osteoartrite;
  • Dismenorreia primária.

O nimesulida – e todos os seus outros possíveis nomes – está disponível em farmácias, para comprá-lo não é preciso de receita médica, já que é um anti-inflamatório;

O preço do nnimesulida pode variar de acordo com o fabricante e fármaco que o vende. Uma caixa com 12 comprimidos pode ser encontrada na faixa de R$ 2,50 a R$ 13,00. Quem detém os melhores preços desse medicamento por anos é a Drogasil.

O nimesulida em gotas é um pouco mais caro: entre R$ 7,00 a R$ 15,00, veja mais sobre os valores, quantidade e os medicamentos que contém nimesulida: Nisulid, Arflex e o Cimelide.

Nimesulida Posologia Como tomar

O nimesulida é disponibilizado em gotas e em comprimidos. Recomenda-se que ele seja utilizado na menor dose possível, somente para resolver as necessidades de alívio do paciente, seu uso acima da dosagem máxima é expressamente contra indicado devido à possibilidade de acometimento dos rins. Confira a posologia correta do nimesulida na tabela abaixo:

O ideal é que ele seja tomado no período de tempo de 12 em 12 horas, no caso, duas vezes ao dia, porém a recomendação médica, talvez, seja diferente dessa informação da bula. Em casos de pós operação pode ser que esse anti-inflamatório precise ser utilizado mais vezes ao dia para que a dor seja inibida por completo, o mesmo vale para quem está tratando dor de dente inflamado.

No nimesulida de versão líquida, cada gota corresponde aproximadamente 2,5 mg de medicação. No momento de realizar a posologia correta vire o frasco na vertical e dê tapinhas de leve com o indicador para que a gota caia. Não se esqueça de agitar bem antes de usar.

Indicação de uso: deve-se tomar após as refeições, assim os efeitos colaterais de náuseas ou dores de estômagos têm menor chance de aparecer.

Em quanto tempo dá efeito: começa a agir cerca de 15 minutos, porém esse tempo pode variar de pessoa para pessoa, tem duração máxima de 5 horas. Cerca de 80% da substância ingerida após este período é eliminada através da urina e filtragem dos rins.

Como Tomar Nimesulida Para Dor de Garganta

Um dos sintomas pelo qual o nimesulida é mais procurado é a dor de garganta ou inflamação decorrente de inversões térmicas, gripes, resfriados, laringites, faringite e outras doenças. O medicamento para esses casos funciona como um analgésico potente, mas o seu potencial analgésico não resolve o problema caso a inflamação seja de causa bacteriana. Você descobrirá isso ao usar o medicamento e os sintomas não desapareçam.

Nesse caso solicite a ajuda médica para receitar um antibiótico ou anti-inflamatório condizente com sua situação atual, você pode estar mais do que somente uma garganta inflamada.

O nimesulida deve ser administrado conforme indica a sua posologia para tratar dores de garganta. Entretanto recomenda-se que esse remédio não seja utilizado por um longo período, já que com o passar do tempo aumentam as chances de surgirem efeitos colaterais graves.

Nimesulida para dor de dente

A segunda recomendação mais recorrente do nimesulida é como anti-inflamatório para dor de dente ou dente inflamado. Por ter uma ação muito forte e rápida é uma solução boa, mas que não deve ser frequentemente consumido. Se você está fazendo uso dessa medicação para aliviar as dores, procure alternar com outros anti-inflamatórios não esteroides como o ibuprofeno, por exemplo.

Contra Indicações

Esse anti-inflamatório não é recomendado para as seguintes pessoas:

  • Mulheres grávidas ou em período de amamentação;
  • Com insuficiência cardíaca congestiva;
  • Com insuficiência renal;
  • Casos de infecção bacteriana, nesses casos o uso de antibiótico é indispensável;
  • Com mau funcionamento do rim;
  • Que tenham alergia ou hipersensibilidade em relação a algum item da fórmula do medicamento, principalmente o ácido acetilsalicílico;
  • Que sofram de úlceras;
  • Tenham problemas de coagulação;
  • Sofram de hipertensão, diabetes ou qualquer outra doença crônica;
  • Crianças com menos de 12 anos;
  • Idosos e portadores de broncoespamos.

Como todo medicamento, é preciso que você consulte seu médico caso se encontre em uma das classes citadas acima, só ele poderá te indicar qual o melhor remédio anti-inflamatório para a sua situação.

Reações Adversas Efeitos Colaterais do Nimesulida

O nimesulida pode causar uma série de efeitos colaterais, alguns nada comuns, outros mais prováveis devido à condição anti-térmica e anti-inflamatória. Confira a lista de reações adversas que esse medicamento pode provocar:

  • Náuseas;
  • Dor de estômago;
  • Dor de cabeça;
  • Perde de apetite;
  • Urina escura;
  • Diarreia;
  • Sonolência;
  • Fraqueza;
  • Diminuição do volume urinário;
  • Diminuição da temperatura corporal;
  • Sobrecarregamento renal;
  • Tremores;
  • Coceira (reações alérgicas).

O nimesulida pode causar dependência por causa seus fatores analgésicos, mas devido ao seu alto grau de toxidade hepática deve ser rigorosamente evitado o uso contínuo ou frequente da medicação, principalmente em pacientes que já têm complicações nos rins e/ou fígado. Em pacientes idosos e crianças a cautela deve ser ainda maior.

Se durante o tratamento os sintomas não desaparecerem você deve consultar um médico e realizar o diagnóstico para verificar quais são os medicamentos mais recomendados para a sua situação em especial.

Lembre-se: nunca tome um medicamento sem orientação médica. Todo remédio possui efeitos colaterais que apenas um profissional poderá avaliar e concluir o melhor caminho para a solução de seus problemas de saúde, de acordo com as especificidades de seu organismo.

Nimesulida é seguro? Porque foi proibido em mais de 10 países?

O nimesulida é uma medicação de uso proibido em mais de 10 países, como o Reino Unido, Canadá, Estados Unidos, Japão, Espanha, Finlândia, Irlanda e Holanda. Até mesmo a Organização Mundial da Saúde (OMS) já declarou estado de alerta em relação a toxidade desse medicamento, problema que causa complicações sérias para o fígado e rins.

De acordo com a opinião dos médicos, o problema não recorre ao medicamento para tratar simples inflamações e, sim, utilizar a mesma medicação regularmente. Quem sofre com problemas de inflamações e outras situações que dependam de anti-inflamatórios e/ou antitérmico deve ver em outros AINESS uma possibilidade de tratamento. O que não deve acontecer é uso recorrente da nimesulida.

Nomes comerciais da Nimesulida e onde encontrar

A nimesulida é comercializada por diferentes laboratórios, incluindo a versão genérica que leva o próprio nome do medicamento. Conheça alguns dos outros nomes desse anti-inflamatório e os respectivos laboratórios que os comercializam:

  • Scaflam (Mantecorp);
  • Mesalgin (TKS);
  • Nisulid (Ache);
  • Optaflan, (Gallia);
  • Nimesilam (EMS).

Você pode encontra o nimesulida em qualquer rede de farmácias do Brasil, esse medicamento é popular e tem baixos custos.

Quantos dentes temos na boca?

Adultos têm 32 dentes na boca, se incluídos os quatro dentes do siso (terceiro molar), que, nem sempre, nascem e, às vezes, são extraídos. Sem eles, há um total de 28 dentes. As crianças, por sua vez, possuem 20 dentes, 10 na parte inferior e outros 10 na parte superior, sendo que estas devem desenvolver os quatro molares até a vida adulta.

A partir dos seis anos de idade começa a troca dos dentes de leite pelos definitivos. Nesta etapa da vida, é possível que a pessoa fique com a dentição incompleta, fase que deverá se estender até o início ou meio da puberdade.

Os dentes do siso são os últimos a nascer, surgindo pelos 17 anos de idade, por isso, ganharam a fama de dentes do juízo. Nem todas as pessoas nascem com eles e muitos acabam os retirando, por conta de complicações ocasionadas pelo terceiro molar.

Quais são os dentes da boca?

Cada dente possui uma função, sendo:

  • 8 incisivos: ficam localizados na parte superior e servem para cortar os alimentos;
  • 4 caninos: localizado na parte inferior e superior, servindo para rasgar os alimentos;
  • 8 Pré-molares: possuem duas pontas e são usados para esmagar;
  • 12 Molares: possuem várias pontas e servem para triturar.

Confira na imagem, abaixo, o posicionamento de cada um dos dentes que temos na boca:

Tanto entre as crianças como na fase adulta, os dentes precisam de higiene constante, para evitar a contaminação por doenças. Recomenda-se consultar o dentista, a fim de realizar a limpeza geral da boca, de 6 em 6 meses, e escovar os dentes e a língua sempre após as refeições. Estes cuidados são essenciais para manter todos os dentes saudáveis.